Corrida e Musculação

Eu conheço muita gente que pratica corrida de rua e faz musculação como um complemento, para evitar lesões e para fortalecer a musculatura. Afinal a gente gosta mesmo é de correr, correr e correr!

Atualmente eu estou apenas correndo, e sei que já passei da hora de começar a fazer musculação, mas eu tenho muita preguiça de musculação. 

Essa semana, eu fui ao centro de treinamento da Evolua Multisports fazer um treino experimental, e gostei muito. O treino é bem personalizado e os professores te dão total atenção. Então isso acaba motivando até os mais preguiçosos, como eu sou com musculação.

Nenhum corredor trocaria uma corridinha por uma aula de musculação, tenho certeza disso. O problema é que alguns atletas só percebem a importância do fortalecimento muscular num período tardio, isto é, quando as famosas dores começam a dar sinal e o atleta tem que se afastar das corridas para um tratamento específico.

Para melhorar o desempenho em cada prova e sentir-se menos cansado é preciso um ótimo preparo físico. Portanto, é importante conciliar a corrida com os treinos de musculação, a fim de evitar uma futura lesão e ter que ficar afastado das corridinhas que tanto nos faz bem.
Os benefícios da musculação para os corredores são muitos, entre eles estão: melhora na habilidade de aumentar a velocidade já que a força gera potência e agilidade; eficiência e a economia da corrida são maiores, pois o atleta corre mais gastando menos energia; os ossos, músculos e ligamentos ficam mais fortalecidos, prevenindo lesões.

O corredor deve fazer um trabalho de musculação específico para seu objetivo. Como qualquer exercício, para obter bons resultados é preciso ter um limite. Treinos de musculação extremamente fortes e com muito peso podem prejudicar o corredor, pois o atleta estará trabalhando hipertrofia e aumentando sua massa muscular, que o deixará mais pesado para correr. O corredor deve fazer um treino de resistência muscular localizada, ou seja, um peso moderado com maior número de repetições. Tudo depende do objetivo de cada um.

Vamos ver se depois desse treino experimental, vou criar coragem e começar a malhar de verdade para melhorar meu desempenhos nas corridas.

Comentários

  1. Já eu gosto de musculação, só ando sem tempo de frequentar academia!
    Beijos e parabéns pelos posts.

    ResponderExcluir
  2. Ótimo post, Dani, seu blog continua muito legal! PArabéns.
    Beijos,
    Giulia.

    ResponderExcluir
  3. Eu também faço parte do grupo dos que "abominam" musculação!!! Mas tive que me render depois que tive uma lesão no quadril....aaaafffffff

    ResponderExcluir
  4. Show este Post Dani, eu mesmo ignorei a musculação e acabei, como vc sabe, com uma contusão que me tirou dos treinos de corrida por muito tempo. Agora "pago o preço", malhando forte e voltando a correr aos poucos!
    Mas seu post também me trouxe uma dúvida. Meu treino este mês na academia visa a hipertrofia, mas minha intenção é perder peso como um todo e ficar mais leve para correr. Vou ver com a galera da EVOLUA MULTISPORTS para saber se é isso mesmo!

    Beijos minha Gata!
    Almir

    ResponderExcluir
  5. É cumadi... sei bem o que é isso. Foram 28 dias sem participar dos treinos por conta da dor no quadril. Segunda-feira já volta a puxar ferro. Bjs. Emi

    ResponderExcluir
  6. Tio Jackson: Para aquelas pessoas que começaram agora, a musculação é de extrema importância pelo fato de que se não for trabalhado esse aspecto no começo pode haver uma lesão nas articulações de seu corpo (tornozelo,joelho,quadril)...

    ResponderExcluir
  7. Dani, Mais um excelente post, principalmente pra mim que estou começando agora. E alias depois de quase 60 dias do início (ainda na esteira como eu disse) já começamos a sentir os efeitos no corpo (diminuição de peso) mas também algumas leves dores (joelho). Preciso ver isso logo, antes que precise ficar sem correr.
    Márcio

    ResponderExcluir
  8. Eu já gostava de musculação, depois que comecei a correr e pude aliar as 2 atividades, ficou melhor ainda, porque a musculação ganhou mais um propósito.

    ResponderExcluir

Postar um comentário