Vida longa ao esporte

Conversando com meu pai, que é cardiologista, sobre os benefícios da corrida de rua à saúde, ele me explicou que o sedentarismo, tabagismo, a hipertensão arterial e o colesterol elevado compõem os fatores de risco causadores de importantes problemas cardiovasculares, que representam as principais preocupações no campo da saúde.

Sabe-se hoje que o baixo nível de atividade física é um importante fator no desenvolvimento de doenças crônico degenerativas, como obesidade, diabetes, hipertensão arterial, angina/infarto do miocárdio, osteoporose, câncer de mama e do reto. Ao contrário, a atividade física pode reduzir o risco de desenvolvimento dessas doenças crônicas, além de acrescer a expectativa de vida e evidente melhor controle do peso corporal.

Dia 7 de Abril é comemorado o Dia Mundial da Saúde, este dia foi criado em 1948 pela OMS – Organização Mundial da saúde. Um bom exemplo para se comemorar essa data é a norte-americana Gladys Burrill, de 92 anos, que entrou para o Livro dos Recordes (Guiness Book) como a mulher mais avançada em idade a finalizar uma maratona. Em dezembro de 2010, Gladys correu os 42 quilômetros da Maratona de Honolulu no Havaí com o tempo de: 9 horas e 53 minutos. “Basta sair e andar ou correr”, disse ela.

Ou seja, o corpo humano é uma máquina que não pode nunca ficar parada, senão para de funcionar assim como várias outras máquinas. Então vamos correr, malhar, caminhar, qualquer coisa, só não podemos ficar parados.

Comentários

  1. Mesmo de longe, acompanhando cada POST da minha esposa, atleta e orgulho, Dani corredora!
    Show esse seu post minha Linda! Parabéns!!
    Almir

    ResponderExcluir
  2. Isso mesmo, Dani, o corpo humano não pode ficar parado.
    Como diz aquela música: "tem que malhar, tem que suar, vamos lá..."

    ResponderExcluir
  3. Daniela, com certeza seu pai sabe o que diz no que se refere a essas doenças e como elas podem ser evitadas praticando esporte. A gente sempre escuta dos médicos que deve aliar atividade física a uma boa alimentação, e aí sim teremos vida longa no esporte.
    Abraço,
    Marcos.

    ResponderExcluir
  4. Dani, que impressionante a história dessa senhora de 92 anos que corre maratona, hein?
    Uau! Não consigo correr 5 quilômetros, que dirá maratona.
    Beijos,
    Ana Paula.

    ResponderExcluir
  5. Tô aqui tentando imaginar como uma pessoa conseguiu correr por mais de 9 horas! Ela deve ter andado além de correr, né?
    Beijos,
    Camila.

    ResponderExcluir
  6. Oi Daniela,
    você vai correr nesta prova feminina de domingo?
    Se sim, quantos km?
    Eu vou na prova de 4km. Mas acho que ainda não vou conseguir só correr, devo caminhar também.

    Bjs,
    Giulia.

    ResponderExcluir

Postar um comentário