Eu fui: Corrida Oba Brasília 2013

Depois de quase um ano sem correr na Esplanada dos Ministérios (confesso que tava enjoada desse percurso), ontem eu participei da Corrida Oba. Este foi o segundo ano dessa corrida em Brasília. Estima-se que 2.500 atletas participaram da corrida. 

Foram duas opções de percurso, 5 e 10 km cobrindo toda a Esplanada dos Ministérios, com largada em frente ao Museu da República, descendo em direção ao Congresso Nacional, Praça dos 3 Poderes, Palácio do Planalto, Viaduto do Presidente, em direção ao balão em frente Palácio do Jaburu, e retornando pelo mesmo caminho em direção ao Palácio da Justiça até subir e terminar no Museu. Nada de novo, por isso que falei que já estava cansada desse percurso, mas como fazia muito tempo que não corria por ali e ouvi falar muito bem dessa corrida no ano passado, resolvi dar uma chance as ruas do centro da cidade!
Foto: http://www.corridaoba.com.br/df/2013/provas/
Levantei às 6 e 20 da manhã, tomei meu café, coloquei meu uniforme de corredora e parti em direção a Esplanada, precisava chegar cedo para pegar o kit e colocar o chip no tênis. A largada estava marcada para as 8 horas.

Mas o que ninguém contava era com o forte calor! E a secura também não deu trégua aos atletas que estavam lá. Eu senti muito, e como todo mundo com quem conversei depois, todos reclamaram.

Mas o pior não foi o calor, foi a falta d'agua nos pontos de hidratação. E aí preciso fazer um desabafo aqui. Pagamos R$65,00 pela inscrição, e quem fez o percurso de 10km só tem 2 pontos de hidratação e não os 4 prometidos pela organização. A água simplesmente acabou. Agora imaginem só, a temperatura estava em torno dos 32º C, a umidade devia estar baixíssima, e nada de água depois de 5km  de prova! É uma tremenda falta de respeito com as pessoas que pagaram inscrição e saíram cedo de sua casa para se exercitar. E isso porque o evento foi de uma empresa de hortifruti.

Após a chegada, a entrega das medalhas, frutas e isotônico. Eu li no regulamento antes da corrida que haveria entrega de água de coco aos atletas, mas não tinha uma garrafinha se quer.

Bom, entre mortos e feridos, salvaram-se quase todos, conheço duas pessoas que passaram mal e precisaram receber atendimento antes de terminarem a corrida. A desidratação bateu forte!

Pra não dizer que foi totalmente ruim, o kit foi bem bacana, bolsa térmica, camiseta de poliamida, toalha e copo térmico. Se bem que eu trocaria tudo isso por umas garrafinhas de água a mais no percurso. Rs...

Seguem algumas fotos do evento.

A medalha
O kit
Eu e minha "partner in crime"
Elas ainda não podem tomar sol, correram cobertas

Comentários

  1. Caramba... dois postos de hidratação em 10Km e com um clima desses... inacreditável. Isso é o mínimo que os caras devem oferecer numa prova.
    Parabéns por correr nessas condições. Eu sofro demais com calor.
    Abração!
    Milton - Blog Vinte Semanas

    ResponderExcluir
  2. Dani,
    que calor foi aquele ontem? E hoje promete ser igual ou mais quente!

    Abraço,
    Marcos.

    ResponderExcluir
  3. Dani,

    adorei a foto das tattoos gêmeas! Ficaram lindas!

    Bjs,
    Camila.

    ResponderExcluir
  4. Dani Querida, eu sofro demais com calor. Como é que tu conseguiste, heim? Li relatos no twitter que a prova foi bem triste mesmo. Parabéns por ter completado. És uma guerreira!!!
    beijinhos e boa semana.
    ps - a tatoo ficou linda. ;)
    Helena
    Blog Correndo de bem com a vida
    @Correndodebem

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helena querida, eu nasci no cerrado mas também sofro com o calor! Não sei se tô tão de parabéns, terminei a prova me arrastando! O sacrifício foi grande! Mas a gente gosta de sofrer um pouquinho, né?
      Obrigada pelas palavras carinhosas!
      Beijo,
      Dani.

      Excluir
  5. Parabéns Dani.
    Nesse calor nessa Brasília, arrepiou.
    Show de bola!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Luiz,
      correr tem dessas coisas, né? Ora o clima tá bom, ora tá ruim. Como eu falei pra Helena, não sei se tô tão de parabéns, pois terminei a prova me arrastando! Fiz um tempo bem acima da minha média.
      Um abração,
      Dani.

      Excluir
  6. Linda sua tattoo, Dani!!! Vc tem muito bom gosto, amiga... kkkkkk

    Mas é verdade que sofremos demais, o calor e a secura foram cruéis e, ainda, a falta de água em metade do percurso foi um absurdo, ainda mais numa corrida realizada pelo Oba e com apoio (patrocínio, sei lá o q...) da Indaiá!!!! Parece piada (de mau gosto...)!!!



    ResponderExcluir
  7. Olá Dani!
    Fica difícil correr em uma situação dessas. Aqui no sul, nunca me deparei com uma temperatura igual a esta em provas... a organização errou e muito ao não disponibilizar uma quantidade maior de postos de abastecimento. Por sorte todos escaparam sem maiores problemas.

    Abraços
    Maurinho
    http://www.baleiaspoa-rs.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Maurinho,
      isso não é comum acontecer, mas também não é a primeira vez que passo por isso aqui em BSB. Eu costumo dizer que quem corre em Brasília corre em qualquer lugar! Obrigada pela visita.
      Abraço,
      Dani.

      Excluir

Postar um comentário