Dica de Leitura - Operação Portuga

Definitivamente dentre os livros sobre corrida de rua que li ano passado, esse do título longo "2:43:50 Operação Portuga - Cinco homens e um recorde a ser batido", foi o melhor de todos. Ele não é um livro só sobre corrida de rua, é um livro de histórias reais e de histórias de superação. 

O jornalista Sérgio Xavier Filho escreveu este livro em 2010, lançado pela editora Arquipélago, para contar as histórias de 4 maratonistas amadores e um único desafio, bater o tempo em maratona de 2 horas 43 minutos e 50 segundos de Amílcar Lopes Filho, o Portuga. E os 4 desafiantes são/eram os empresários e bem sucedidos executivos de São Paulo, alunos da famosa assessoria esportiva MPR (Marcos Paulo Reis), Marcelo Apovian, Tomás Awad, José Augusto Urquiza e Felipe Wright. 

Sabe aqueles livros que você fica com pena de acabar de tão boa a história? Operação Portuga é desse tipo. O livro tem apenas 175 páginas, é daqueles que você termina em 2 ou 3 dias, mas eu me alonguei o máximo que pude para não terminar tão rápido. E quanto mais eu lia, mas queria continuar virando as páginas para saber o que ia acontecer e mais ficava com pena por se aproximar do final.

Sérgio Xavier começa contando sobre a vida de cada um dos maratonistas, as dificuldades e glórias que cada um passou, os treinos, as lesões, as maratonas que correram, a vida em família, e o desafio proposto e conquistado. 

A primeira coisa a se entender desse universo tratado no livro é que existem dois tipos de corredores de maratona, os profissionais, aqueles que têm como uma única atividade o esporte, seu trabalho é treinar e vencer (e esses completam uma maratona em um pouquinho mais de 2 horas), e os amadores, pessoas comuns, das mais variadas profissões que praticam o esporte em suas horas vagas. Poucos amadores conseguem percorrer os 42km em menos de 3 horas. E o Portuga conseguiu esse feito em 2:43:50 aos 43 anos de idade.

Recomendo essa leitura para todos que gostam de histórias emocionantes e motivadoras independente de gostar ou não de calçar o tênis e sair por aí correndo! No meu caso, eu fiquei bem mais motivada e animada a cada capítulo com vontade de sair correndo.

Comentários

  1. Valeu pela dica, Dani, vou ler também!

    ResponderExcluir
  2. Dani
    Estou com livro na fila de leitura. Adorei saber suas impressões. Só não sei se vou conseguir parar de ler. ha ha ha beijos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Helena,
      pois coloque ele no topo da fila, porque o livro é muito gostoso de ler, pena que seja uma leitura tão rápida.

      Excluir
  3. Dani,
    esse livro é sensacional! Cada história de superação e de recorde pessoal melhor que a outra.
    Boa dica pra quem ainda não conhece o livro.

    ResponderExcluir
  4. Já me falaram dele. Mais vontade ainda agora. Vc acabou de recolocá-lo em minha to read-list.

    ResponderExcluir

Postar um comentário