Eu testei: Nike Air Zoom Pegasus 32

O meu parceiro novo de corrida, e que deverá me acompanhar nas 2 meia maratonas que estão por vir é o Nike Air Zoom Pegasus 32. Ué, Dani, mas você não era fã de carteirinha do Asics Nimbus? Eu sou, acho um calçado de corrida excelente, já usei várias versões dele, desde o 7, mas de uns tempos pra cá, comecei a gostar de tênis mais leves, menos robustos, com drop mais baixo, e é onde o Pegasus se encaixa direitinho.


Antes de começar o review sobre o Pegasus 32, vou dar uma breve explicação de porque estou me dando tão bem com o Pegasus e o Nimbus virou meu tênis de ir a academia. Eu corri desde sempre com o Nimbus, e em 2014 comprei meu primeiro tênis de corrida da Nike, meio às cegas, mas tive uma grande surpresa, o tênis superou minhas expectativas, foi a versão 31 do Pegasus. E passei a correr bastante com ele, inclusive fiz as 3 meia maratonas do ano passado com o mesmo calçado. No final do ano passado, ganhei um Nimbus 17, lindo, macio, cheio de tecnologia aplicada ao modelo, mas achei um pouco pesado, e comecei a treinar com ele. Esse ano em Fevereiro, comecei a sentir uma dor no calcanhar, tive logo medo que fosse uma fascite plantar. Fui ao médico e ele descartou a fascite. Ufa! Comecei então a alternar os treinos entre o Nimbus 17, o Pegasus 31 e o Asics Noosa Tri 9, e sentia bastante dor no calcanhar após os treinos com o Nimbus, comecei a perceber então que poderia ser o tênis, além do diagnóstico do médico de excesso de treino em terreno com declive e má postura. Ele até receitou uma palminha de silicone para eu usar, usei 2 ou 3 vezes, mas não me adaptei. Felizmente a dor passou, e agora só treino com o Pegasus 31 e o Noosa Tri 9. Daí como eu já estava com as corridas longas programadas para esse ano, e consegui um ótimo desconto no site da Nike Brasil, resolvi comprar o Pegasus 32.

O Nike Air Zoom Pegasus 32 é um tênis bastante tradicional da marca, é fabricado desde 1983, e é um tênis indicado para treinos e corridas de velocidade, mas também para treinos e corridas longas. É um calçado para quem tem pisada neutra. Esse modelo faz parte da linha Zoom da Nike, e o Zoom nada mais é que uma cápsula de amortecimento com ar comprimido. A ideia dessa cápsula é que  ela tensione durante a corrida e dê ao corredor uma resposta rápida.

O que o fabricante diz sobre o calçado:
O tênis de corrida feminino Nike Air Zoom Pegasus 32 atualiza um clássico com tecnologia Flywire e antepé contornado para a sensação de encaixe perfeito e transição suave. O cabedal em mesh leve e amortecimento premium oferecem respirabilidade e conforto do início ao fim.

O que eu achei do tênis após 22,6 km corridos com ele:
  • Leve, muito leve mesmo. De acordo com o fabricante, o modelo feminino pesa 240g. 
  • Achei o toe box (é a parte do calçado que cobre e protege os dedos) dele de uma largura excelente, alguns tênis da Nike tendem a ter o toe box estreito (o caso do Vomero), e no Pegasus 32 está mais largo, deixando o pé confortável na medida.
  • A tecnologia Flywire que envolve o meio pé e o arco com um ajuste dinâmico como se fosse uma meia. Essa tecnologia é inspirada em cabos móveis e flexíveis. Os fios se contraem e relaxam de acordo com o movimento natural dos pés.
  • O mesh não esquenta os pés.
  • Drop de 10 mm , tô gostando muito de correr com tênis com drops mais baixos do que eu estava acostumada quando corria com o Asics Nimbus. 
  • É um ótimo custo benefício, visto que este modelo foi lançado em Dezembro de 2015, então já encontramos a versão 32 desde R$ 269,99, dependendo da cor.
O Pegasus é um tênis que não economizo elogios, a versão anterior, 31, está na lista dos meus tênis preferidos de corrida. E a versão 32 está concorrendo fortemente à vaga.

Comentários

  1. Oi Dri,
    também sou fã da Nike, tanto dos tênis quanto das roupas, mas não me dei bem com o Vomero. Já o Pegasus, é um caso de amor!

    ResponderExcluir
  2. Opa, Dani, ótima dica, além de ser um tênis muito bom, o preço tá bem em conta!
    Parabéns pelo post.
    Abraço,
    Antero.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Antero,
      pois é, estou bastante satisfeita com minha aquisição.
      Abraço,
      Dani.

      Excluir
  3. Ótimo custo benefício!

    ResponderExcluir
  4. Oi Dani! Legal a sua review. Eu nunca corri de Nike. Meus pés são bastante "psicodélicos" e sempre se manifestam com tênis diferentes. Aí fico com medo de arriscar as trocas, he he he... Eles só se dão bem com Mizuno (sempre os mais difíceis de achar e mais caros, ai ai ai..).
    Bons treinos
    Um super beijo
    Carolina
    Blog Viajar correndo

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol, nossos pés têm personalidade, né?
      Eu só corria de Asics, agora só corro de Nike. Vai entender?
      Beijão e bons treinos.

      Excluir

Postar um comentário