Correndo!

A corrida me deu amigos, me deu manhãs incríveis, mesmo aos sábados e domingos. Ela faz valer a pena levantar antes do nascer do sol, pular da cama mesmo no frio, ou enfrentar um calor terrível.

Ela me fazer sentir muitas dores, sim, é verdade, mas algo sobre ela é estranho, quando a gente cruza a linha de chegada ou mesmo uma linha imaginária, e atinge nosso objetivo, a dor vai embora e dá lugar a um largo sorriso e uma enorme sensação de dever cumprindo vertendo em nossa alma uma doce alegria.

Você pode não ser um dos melhores nem o mais rápido, mas ela faz você se sentir um verdadeiro campeão. Faz você respirar fundo e ter orgulho de si mesmo.

Meus dias durante a semana se tornaram muito mais leves com ela. E os finais de semana, ainda mais aguardados.

Depois de mais de 2 semanas gripada, 10 dias de antibiótico e outros remédios e uma certa frustração por ter passado alguns dias em Nova York e não ter corrido um km se quer, começo meu ano de treinos, sem muita expectativa por enquanto, na esperança de que aconteça o que acontecer nos próximos meses, sejam bons acontecimentos.

Ah, hoje no treino teve fartlek de 12 x 1 minuto forte / 1 minuto leve com direito a estreia de tênis novo, um Nike Pegasus 33, presente de Natal e que eu tava louca pra testar, em breve farei o review do novo pisante. Abraço e até o próximo post!

Comentários

  1. Daniiii,
    você é muito chique, esteve em Nova York recentemente?
    Feliz ano novo atrasado!
    Bjs,
    Giulia.

    ResponderExcluir
  2. É exatamente esse sentimento Dani! Só quem corre entenderá essa necessidade de exercitar o corpo.
    Amei o blog!!!
    E vc é uma companheira de corrida que sempre nos motiva a querer mais.
    Bjao.

    ResponderExcluir
  3. Muita boa a reflexão Dani!!!
    E agora, depois desse período "de molho" é hora de correr atrás do pace perdido (eu te disse que amei essa sua frase, he he he).
    Um super beijo
    Boa corridas!
    Carolina

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Oi Carol,
      esse período de começo de ano é bom pra gente refletir mesmo, né, definir metas, e começar o ano com o pé direito, ainda que janeiro já esteja mais perto do fim do que do começo! :) Eu também adorei esse negócio de pace perdido, tomara que o bom pace nos 5k apareça logo.
      Obrigada pela visita.
      Beijo e boas corridas.

      Excluir

Postar um comentário